Nessas cem histórias curtas, cujos títulos são nomes de jogos, brinquedos e brincadeiras, a autora convida o leitor a explorar sentimentos e sensações. Sem sacrificar a estética – pelo contrário, com uma prosa poética no limite do factual e da sugestão, como afirma a escritora Áurea Rampazzo no texto de apresentação – as vozes femininas dos contos expressam embates atuais, pelos olhos de quem já viveu um tanto, sem nunca parar de brincar.  

Autor(a): Ana Brêtas
ISBN: 9786587113159
Edição: 1
Número de páginas: 216
Acabamento: Brochura 
Formato: 20x12

SOBRE A AUTORA: Ana Cristina Passarella Brêtas nasceu em maio de 1961, em São José do Rio Preto (SP). Mora em São Paulo desde 1983. Enfermeira. Socióloga. Professora associada aposentada da Universidade Federal de São Paulo. Nos últimos anos, dedica-se a seu processo de formação como escritora, frequentando cursos livres e oficinas. Finalista do Prêmio Sesc de Crônica Rubem Braga (2015) com a crônica "Não nasci comendo alface"; do Concurso Literário Mulheres Contistas, promovido em 2017 pela Editora Zouk e pela Casa da Mãe Joana, com o conto "As sombras da cidade", e, com o projeto Cem vezes uma, do edital nº 17/2019 da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo de São Paulo. Publica, em 2018, seu primeiro livro de contos, Velhices e outras coisas, pela Scortecc.

Cem vezes uma

R$44,00
Cem vezes uma R$44,00
Sucesso! Você tem frete grátis
Frete grátis a partir de R$120,00
Entregas para o CEP:

Frete grátis a partir de R$120,00

Nessas cem histórias curtas, cujos títulos são nomes de jogos, brinquedos e brincadeiras, a autora convida o leitor a explorar sentimentos e sensações. Sem sacrificar a estética – pelo contrário, com uma prosa poética no limite do factual e da sugestão, como afirma a escritora Áurea Rampazzo no texto de apresentação – as vozes femininas dos contos expressam embates atuais, pelos olhos de quem já viveu um tanto, sem nunca parar de brincar.  

Autor(a): Ana Brêtas
ISBN: 9786587113159
Edição: 1
Número de páginas: 216
Acabamento: Brochura 
Formato: 20x12

SOBRE A AUTORA: Ana Cristina Passarella Brêtas nasceu em maio de 1961, em São José do Rio Preto (SP). Mora em São Paulo desde 1983. Enfermeira. Socióloga. Professora associada aposentada da Universidade Federal de São Paulo. Nos últimos anos, dedica-se a seu processo de formação como escritora, frequentando cursos livres e oficinas. Finalista do Prêmio Sesc de Crônica Rubem Braga (2015) com a crônica "Não nasci comendo alface"; do Concurso Literário Mulheres Contistas, promovido em 2017 pela Editora Zouk e pela Casa da Mãe Joana, com o conto "As sombras da cidade", e, com o projeto Cem vezes uma, do edital nº 17/2019 da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo de São Paulo. Publica, em 2018, seu primeiro livro de contos, Velhices e outras coisas, pela Scortecc.